Arquivo da tag: Estaleiro

Do Cesar, sobre o Estaleiro

“E a  nossa água e saneamento (promessa, promessa e mais promessa), e a pavimentação( mais promessas).O Estaleiro só vai valer alguma coisa para eles quando começarem a construção de prédios. Tem um poste na esquina da minha rua que ta bambo há 15 dias e só colocaram cavalete até agora. Acho que estão esperando cair para arrumar”. Padrão PDO de qualidade Cesar… é um desenvolvimento muuuito ordenado o nosso.

 

Da Cris, do Estaleiro

“Parabens a prefeitura que depois de tanto tempo resolveu passar a maquina nos buracos infindaveis aqui no Estaleiro.Espero que tenham um pouquinho de coerencia e n’ao deixem o barro solto sem macadame como sempre, pois a primeira chuva, que pode ser num final de tarde quente, transformara tudo num lodo e voltam os buracos…resumindo…. tempo e dinheiro do contribuinte jogado fora. Gastem um pouco em macadame, ou coloquem aquelas lajotas que tiraram da cidade inteira que nao estao sendo usadas para a comunidade. Onde elas estão? Ouvidoria, onde estao as lajotas que sao patrimonio publico? Nao particular. Passem um macadame, compactadora e fica perfeito… E a limpeza do mato, quando sera feita? O mato esta sobre a calha da rua…”# # #Dado o recado, a mensagem também foi enviada para a secretaria de obras. Quanto ao destino das lajostas há controvérsias não republicanas.

Debate interessante

Nos comentários tá rolando um debate, discussão, o que seja, sobre o Estaleiro. Acho saúdável isso. Colocar pontos de vista respeitando as diferenças. Sobre o posto de salva vidas sobre a restinga, o que sei é que irão recoloca-lo num local mais decente. Não sou ecochato, não sou extremista, mas me sinto no direito de preservar o Estaleiro. Decidi morar lá há 20 anos quando a praia ainda não tinha nada. Dei adeus aos condomínios verticais do centro do BC onde vivi experiências bem chatas. Quem mora na cidade não dá a devida atenção ao cotidiano da natureza simplesmente porque a rotina dele é outra. É cercado de concreto e vive uma qualidade de vida urbana. E vamo que vamo…

Sobre o Estaleiro

Tá rolando um debate aí nos comentários. Só quero discordar do Beto que defende a tubulação dos córregos. Isso é coisa de mentalidade urbana onde os rios viram ribeirões e os ribeirões viram córregos e tudo acaba sumindo pelo tubos. Mas no Estaleiro? Dá um tempo né Beto. Deixa a natureza respirar enquanto é tempo. Com a tubulação surgirão as casas sem recuo, ou pior, em cima dos córregos como acontece na urbanizada e tubulada BC. E depois não adianta chorar o leite derramado.

Do Beto, perfeito!

“Bola a minha é em meio terreno e 133m² de área construída…. R$ 1.675,00, não tem esgoto e nem água tratada, a água da ponteira está contaminada pela proliveração de fossas na região (em 20m de diametro há 5 fossas) policiamento só da civil(2 policiais), PM esporadico, posto de salva vidas é uma piada o estado de conservação com perigo de desabar, as escadarias que dão acesso a areia é com as ripas soltas e pregos aparecendo e o guarda corpo não adequado para crianças, a praia(areia) está suja, lógico que há os “porcos” que não colocam os lixos na lixeiras …, mas o que é recolido e ensacado é deixado no chão até a coleta no final da Rua Napoleão Vieira junto a praia é vergonhoso, deveria haver uma caçamba ou lixeira grande para posterior coleta …., as ruas estão lamentáveis, fizeram um TIPO asfalto na descida do morro que durou 15 dias, rasparam e ficou estranho (não é estrada de chão nem asfalto)…., o CAMPO DE FUTEBOL hoje estavam leivando-o, porem sem antes acabar com o mato, ou seja, plantando grama sob o mato que irá crescer junto e drenagem para o mesmo acho que não fora feita!”